Weby shortcut
Ufg logo
  • FM/UFG inicia temporada de colações de grau de 2016

     

                         A solenidade de colação de grau da Turma LIX da Faculdade de Medicina na noite do dia 20 deste mês de janeiro abriu a temporada de colações de grau dos formandos de 2016 da Universidade Federal de Goiás. A cerimônia se realizou a partir das 20 horas no  Centro de Cultura e Eventos Professor Ricardo Freua Bufáiçal, no Campus Samambaia. Familiares e convidados dos 103 novos médicos lotaram o recinto, com cerimônia presidida pelo vice-reitor da UFG, Professor Manoel Rodrigues Chaves, que ocupou a mesa diretiva juntamente com a diretora da FM, Professora Fátima Maria Lindoso da Silva Lima, outras autoridades e os homenageados da Turma LIX.

                     A Turma LIX escolheu como Patrono João Bosco Siqueira Júnior e como Paraninfo o Professor Antonio Rubens Alvarenga, do Departamento de Pediatria da FM/UFG, que também deu nome à Turma. Como professores homenageados, Alexandre Ferraz Roberti, Américo de Oliveira Silvério, Joffre Rezende Filho, Luiz Carlos Silva Souza, Manoel Santos Pereira e Solomar Martins Marques.E como servidora da FM homenageada, Maria de Lourdes Ribeiro e Silva. A programação da formatura segue esta semana, com Aula da Saudade dias 23 e 24 de janeiro; Culto Ecumênico, dia 25 às 18:30h no Centro de Convenções; Jantar dos Pais, dia 26; e Baile de Formatura, dia 28 às 22 horas, no Centro de Convenções de Goiânia.

     

                                     Os passos da cerimônia

     

                             Após a execução do Hino Nacional, o vice-reitor Manoel Rodrigues Chaves convidou a formanda Paula Toledo de Almeida para, em nome da Turma, prestar o Juramento de Hipócrates. Em seguida, os formandos Henrique Finholdt Furtado e Juliany Ferreira Badreddine, também pelos seus pares, receberam a Outorga do Grau de Médicos. Foi então a vez do orador da Turma, Ronaldo Moisés de Moura Filho, proferir seu discurso, iniciando com citação de Sheakspeare : “Somos feitos da matéria de que são feitos nossos sonhos”.                   Com essas palavras, ele lembrou aos seus mais de 100 colegas que os levou àquele momento foi exatamente o sonho de cada um de se dedicar à saúde das pessoas.

                 Lembrou ainda que ao longo dos anos de formação acadêmica, o novelo de caminhos e histórias foi se desenrolando até chegar ao ponto sonhado da colação de grau. E citou o sentimento de gratidão que todos devem ter por aqueles que colaboraram pela realização do sonho, a começar pelo fundador da FM, Francisco Ludovico, “ um jovem que há mais de 60 anos saiu de sua zona de conforto familiar para buscar a realização de outros jovens que como ele sonhavam em se fazerem médicos para cuidar da saúde das pessoas , na busca de uma medicina cada vez mais humana.”

                 Falou em seguida a diretora da FM, Professora Fátima Lindoso, que mencionou o “momento muito especial da Faculdade com a colação de grau da sua quinquagésima nona turma de médicos”. Salientou que durante a caminhada, foram tantas coisas que se sucederam até poderem colher o fruto da titulação de médicos, lembrando que os jovens sonhadores saem agora amadurecidos e capacitados para exercer com competência sua nova missão. E conclamou que cada um tenha como seus embasamentos principais a ética e a moral e fixa sempre em mente a responsabilidade de transformação da sociedade.

                   O vice-reitor Manoel Rodrigues Chaves foi o seguinte a discursar e, depois de cumprimentar os novos médicos e saudar os presentes, salientou que, apesar da crise orçamentária e financeira por que passam o país e especialmente a UFG, a instituição dobrou de tamanho e ampliou suas ações também pelo interior de Goiás e continua sendo cada vez mais um patrimônio público e entre as 12 maiores instituições do gênero no Brasil. Salientou ainda que a Universidade tem como meta passar a seus alunos esse patrimônio inalienável: a educação e o conhecimento que, segundo disse, possa ajudar a construir uma vida com cidadania plena para todos.

                     O passo seguinte da cerimônia foi a leitura do Termo de Colação de Grau feita pela coordenadora administrativa da Faculdade de Medicina, senhora Izildinha Alves Jorge e deu-se então a chamada nominal dos novos médicos para receberem seu diploma. Ao final, o Vice-Reitor deu por encerrada a solenidade, conclamando os novos médicos a defenderem, pela vida profissional afora, o patrimônio de todos que é a Universidade Federal de Goiás.

  • Três concluintes do Curso de Medicina têm colação de grau especial

     

    Três concluintes do Curso de Medicina - Turma LIX compareceram nesta quarta-feira, dia 21 de dezembro, às 11 horas, ao gabinete da Diretoria da Faculdade de Medicina da UFG para Colação de Grau Especial, já que, por motivos particulares, não lhes será possível colar grau na data prevista pela Reitoria da Universidade, em janeiro de 2017. Os três concluintes do Curso e agora novos médicos são   Bruna Campos Oliveira, Gustavo Teixeira Leão e Pedro Henryque Perna Batista.        

    A cerimônia, embora simples, seguiu todos os trâmites do ritual oficial determinado para a ocasião e foi presidida pela diretora da FM, Professora Doutora Fátima Maria Lindoso da Silva Lima, tendo como testemunha a Professora Doutora Maria Auxiliadora Carmo Moreira, coordenadora do Curso de Graduação da FM/UFG. A Diretora deu início à solenidade parabenizando os formandos e seus familiares presentes e o passo seguinte foi a leitura do Juramento de Hipócrates pela formanda Bruna Campos Oliveira e na sequência o formando Gustavo Teixeira Leão firmou o Termo de Compromisso adotado pela FM/UFG, com que o concluinte do curso promete honrar e ser fiel à sua Faculdade, mantendo ao longo da vida profissional a sua memória viva como gratidão pela escola que o fez médico .

    Em seguida deu-se a Outorga do Grau de Médico concedida pela Diretora aos formandos e logo após foi feita a leitura do Termo de Colação de Grau Especial pela coordenadora administrativa da FM, Izildinha Alves da Silva Jorge. Falou então a Professora Maria Auxiliadora cumprimentando dos novos médicos e os aconselhou a manterem sempre em mente o Juramento do acabavam de firmar e lembrou que a Casa que os formou estará sempre aberta para eles. A jovem médica Bruna Campos também falou, agradecendo a todos que colaboraram para a sua formação nos seis anos de graduação.

    Também a coordenadora administrativa da FM, Izildinha Jorge, saudou os jovens médicos e lhes deu um conselho: que na vida profissional, nunca iniciem a rotina diária sem antes buscar a Orientação Divina e que no contato com o paciente, mais do que a tecnologia científica, utilizem sempre a força do olhar e do contato com as mãos, capaz de fazer a relação médico-paciente mais humana e mais eficaz.

    A diretora da Faculdade de Medicina, Professora Fátima Maria Lindoso, encerrou então a solenidade, parabenizando mais uma vez os novos médicos pela vitória conquistada, desejando-lhes uma vida profissional repleta de sucessos e que eles saibam sempre honrar o nome da sua Escola, exercendo com a maior responsabilidade e competência sua missão de médico. E que não vejam o paciente apenas como indivíduo, mas vejam também o contexto, sempre focados na promoção humana.

     

     

     

  • Dois docentes da FM/UFG dirigem Regional da Sobrames

             

                      O professor Doutor Waldemar Naves do Amaral, médico ginecologista-obstetra integrante do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da Faculdade de Medicina da UFG, é o novo presidente da Regional de Goiás da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores (Sobrames). Sua posse aconteceu no dia 09 deste mês durante o I Sarau da Associação Médica de Goiás, em noite marcada por muita música e poesia.

                   O novo presidente e os demais membros da diretoria da entidade foram eleitos para o biênio 2016/2018. Neste período a Sobrames tem como vice-presidente o médico Juarez Antonio de Souza, que também integra o corpo docente do Departamento de Ginecologia da FM/UFG. Os demais membros da diretoria da Regional são os médicos Eberth Franco Vencio, 1º secretário; Fausto Gomes da Silva, 2º secretário; Rafael Cardoso Martinez, 1º tesoureiro; e Silvio Sérgio Pontes Câmara, 2º tesoureiro.

                 A Sobrames conta com cerca de 700 médicos associados e tem sua sede em Recife (PE) com regionais nos Estados. Criada em 1965, visa estimular e incentivar os médicos associados a escreverem e publicarem suas obras literárias, além de dar apoio aos lançamentos das publicações. Objetiva também preservar a memória médica por meio de comemorações de datas importantes e, ainda, criar e manter bibliotecas com obras dirigidas à memória dos vultos da medicina e da história.

  • Ver todas
    Ver todos